Visualizações: 29


Feira Agroecológica dos Saberes e Sabores inicia com muito sucesso

A feira acontece uma vez por semana no Mutirão
créditos: Matões FM

Confirmando a identidade e a preferência que o povo de Pedro II tem com suas raízes, a abertura da Feira Agroecológica dos Saberes e Sabores de Pedro II na manhã desta terça feira dia 23 foi um sucesso. Confirma também a informação de que o povo gosta dos produtos que vem direto da roça e dos quintais produtivos da região, ou seja, produtos da agricultora familiar. O gesto confirma ainda toda a sabedoria que o povo tem quando o assunto é produção familiar. Superando as expectativas de abertura desse evento que tem objetivo de acontecer uma vez por semana, os agricultores participantes da feira se mostraram contentes pelo volume de produtos negociados na manhã desta terça feira na Praça do Mutirão.
A realização da feira ao menos uma vez por semana é um desejo antigo do Centro de Formação Mandacaru. Incialmente a Entidade criou a Feira da Fartura que acontece na terça feira da Semana Santa na Praça da Matriz, centro da cidade. O evento se tornou um sucesso, o que motivou os agricultores a se articularem para que a feira passasse a acontecer mais frequente. Com o interesse de ambas as partes, a ideia só se fortaleceu nos últimos meses, principalmente com a chegada de apoio do Sindicato dos Trabalhadores/as Rurais.
Passando das ideias para o campo da realização e após algumas reuniões para planejamento, divulgação, como também a solicitação de espaço e cadastramento dos agricultores junto a Prefeitura, deu-se início na manhã desta terça feira dia 23, a Feira Agroecológica dos Saberes e Sabores de Pedro II que passa a acontecer uma vez por semana na Praça do bairro Mutirão, toda terça a partir das 06 da manhã. A feira tem a organização dos agricultores que cultivam produtos agroecológicos com o apoio do Mandacaru e sindicato dos Trabalhadores/as Rurais.
Para a satisfação dos agricultores cadastrados para a comercialização, o resultado da primeira edição da feira foi acima do esperado. Às 09 da manhã alguns produtos já haviam acabado, dado o sucesso de procura do público. “Eu já consegui vender todos os alfaces que trouxe, já mandei buscar mais”, dizia Valmir Moreira do Assentamento Arara, um dos agricultores participantes da feira.
A Feira Agroecológica dos Saberes e Sabores de Pedro II reúne uma serie de valores, pois cria mercado, gera renda familiar, possibilita a venda direta do pequeno produtor ao consumidor e o melhor de todos, leva produtos saudáveis para a mesa da população de Pedro II.
 


COLUNISTA
Neto Santos
COMPARTILHE O LINK DA MATÉRIA